quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

A minha História de Vida.... INTRODUÇÃO (Parte 1)

Em plenos turbilhões de noticias e imagens nos meios de comunicação hoje dia onze de setembro de 2007 recebo a notícia que iria mudar a minha vida daqui pra frente, data que seria recordada na minha cabeça apenas pelo ódio de Bin Laden ou pelo sofrimento das pessoas que viveram para ver o dia onze de setembro de 2001.
Meus pensamentos se entrelaçam uns nos outros, minhas angustias são maiores e tudo que eu havia sentido seria fraco pelo que o estava a chegar. Eram sentimentos que arrebatavam, que machucavam e ao mesmo tempo extasiava. Sentimentos eles que eu nunca achei que sentiria.
Tudo começou em Julho, final de semestre da faculdade, é de praste, estressante, muitas responsabilidades e com elas problemas. Havia chegado ao meu limite. Tinha tomado então à minha decisão parar a faculdade por um semestre em Belo Horizonte e voltar para a minha casa no interior e descansar um pouco, eu só não sabia o que me esperava.
Final de 2006 eu estava muito apreensivo sobre meu exame de HIV queria muito faze-lo seria o 1º da minha vida, tomei coragem e fiz, veio para mim como uma grande surpresa o resultado “Não Reagente” pulei de alegria eu não sabia mais como agradecer a DEUS, aliás eram nesses momentos que eu acreditava nele, na verdade nunca fui muito seu fã, o mundo oculto sempre foi um mistério pra mim.
Religião mesmo é uma incógnita na minha vida, eu tenho tatuado em minhas costas “Livrai-me de todo mal amém” mas por que? Nem eu sei. Acho que lá no fundo eu quero muito acreditar na história de Jesus, quero a esperança e a força de viver cada dia porque à final a vida não é nada fácil e talvez ele me ajude com isso, não sei... Acredito no que é bom, na natureza e principalmente no amor.
No começo de 2007 com o resultado “Não Reagente”em minhas mãos mostraria a todos mais íntimos à final eu tinha tirado à duvida que persistia a anos em minha cabeça, iniciei minha vida sexual aos 13 anos após conhecer um cara pela internet que tinha 33 ou seja vinte a mais que eu, primeira relação também sem preservativo e depois dela até 2007 antes do “Não reagente” viriam mais...
Foram passando os anos eu começava a ficar angustiado por conta disso, de estar ou não estar contaminado. Eu sempre acreditei em destino, em que cada um já tem uma história traçada, não sei porque mais eu sempre achei que em minha vida ia acontecer algo de grandioso, ou pro lado bom ou ruim. Eu sabia que minha vida seria marcada por algo que me mudaria como pessoa pra sempre.
Eu sempre tive pesadelos que eu tinha sido infectado pelo HIV, talvez porque na época eu estava muito assustado por conta disso, eu passei uma época achando que eu um dia mais cedo ou mais tarde iria ter que passar por isso, afinal eu não conseguia resistir ao sexo sem preservativos, ele me chamava eu acho que fazia porque não podia, isso me excitava.
Sempre fui muito carente, estava a procura de novos parceiros todos os dias, tinha uma necessidade de ter alguém que não sei como explicar, achava que se eu ficasse sozinho seria infeliz.
A vida é engraçada não é, quando a gente pensa que não, chega o sim, quando a gente pensa que vai, não vai, foi assim comigo, depois de sete anos vacilando e fazendo sexo algumas vezes sem camisinha havia chegado à minha hora, quando naverdade eu achava que ela já tinha chegado à muito tempo, estava sofrendo pela dúvida e eu nem imaginava que a sorte naquela época estava ao meu lado. Sorte ou Destino?
Continuação...
Quem quiser fazer contato comigo meu email é fedinniz@hotmail.com

5 comentários:

Paulo disse...

Bom dia. Encontrei seu blog pelo seu perfil no Orkut. Comecei a ler o que já tinha aqui, mas acredito que haja algo mais. Vc pode me dizer onde encontrar? Fiquei muito interessado em ler seu blog.
Um abração,
Renato

Positivoefeliz disse...

Paulo eu vou atualizar sempre, no minimo 2x na semana! que bom q vc gostou fico feliz!!
um abrc pra vc meu querido qlqr coisa e so me mandar um email ok ?
fedinniz@hotmail.com
abrcs

Fernando disse...

Gostei muito das coisas que escreveu, até me identifiquei com alguns momentos. Um abração.

BRAMA disse...

Cara é isso ai, gostei da su históri e gostei mais ainda do fao de vc estar pratolhando a mesma com os outros. Quem sabe vc não pode ajudar outras pessoas através da sua história?
Abração pra ti, boa sorte e tudo de bom querido !

allessandra disse...

Wow....
Achei o blog atravez de uma pesquisa no google.com!!!
Impressionada, preciso dizer!!!
Alguem com uma cabeça assim... acho que se fosse uma outra pessoa talvez, sabe Deus o que faria!
Você está de Parabéns!!!!